quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Évora...

Fim de semana com uma abençoada temperatura...que desculpa melhor para um passeio ao Alentejo?



Menir dos Almendres (Nossa Senhora de Guadalupe/Valverde). Eu sei, eu sei... pornografia neolítica!


Detalhe de um cardo... Beleza em algo tão rude.



Praça do Giraldo...Quando penso na cidade de Évora é o primeiro sitio do qual me recordo... O centro e pulsar da cidade.








O reconhecimento de uma cidade...





...e uma vista romântica sobre o marco histórico de Évora.

1 comentário:

Apenas mais um conto de fadas! disse...

Dá-me mais quero mais
Desse vinho bem forte
Acre sol estival
De uma vida em desnorte
Já perdi o que tinha
A família a consorte
Para ser mero pó
Falta só vir a morte a morte

Tem calma irmão
Que a morte está aí para todos nós
E à parte as mães
Ninguém pode afirmar de viva voz
Que deixa cá algo
Quando a vida nos solta enfim os nós

Serve então mais um copo
Uma noite a beber
Não fará mal pior
E dará p’ra esquecer
O vazio que me ataca
Esta dor de viver
A feroz solidão
Que me faz q’rer morrer morrer

Tem calma irmão
Que a morte não precisa do teu sim
É coisa certa
Mais vale fazer da vida um festim
Canta antes dança
Que a vida não te surja mais ruim

Cantar eu?

Dançar dizes tu...

Serve então mais um copo para ajudar

Tem calma irmão
Que a morte não precisa ser assim
Canta e vais ver
Que a vida não te larga mais por fim